Resultado de exame

 

 

Narcolepsia

Dental Implants

Narcolepsia

A narcolepsia é caracterizada por episódios irresistíveis de sono.

O sintoma mais frequente é a sonolência diurna excessiva, que deixa o paciente em perigo durante a realização de tarefas comuns, como dirigir, operar certos tipos de máquinas e outras ações que exigem concentração.
As manifestações da narcolepsia, começam geralmente na adolescência.

De origem genética, a doença também pode estar associada a outros distúrbios do sono. A síndrome narcoléptica consiste de cataplexia e outros fenômenos do sono REM, como paralisia do sono e alucinações hipnagógicas. A cataplexia é a perda do tônus muscular reversível, usualmente deflagrada por emoção intensa, que ocorre durante o estado de vigília. Nas transições de vigília para o sono, o paciente com narcolepsia apresenta com frequencia paralisia do sono, que é a incapacidade de mover-se ou falar, além de alucinações visuais. A cataplexia, a paralisia do sono e as alucinações hipnagógicas são manifestações patológicas do sono REM